Inicio Notícias Mercados

Mercados

Novas medidas de apoio às empresas

Reforço do layoff simplificado e do programa Apoiar são algumas das medidas apresentadas ontem pelo Ministro da Economia e Transição Digital para ajudar os negócios nas próximas semanas deste novo confinamento. Pedro Siza Vieira deixou ainda a promessa de que estes apoios serão pagos «o mais rapidamente possível».

Indústria de moda britânica anda às compras

A pandemia fragilizou muitas empresas de moda britânicas, que não tiveram outra hipótese que não submeter pedidos de insolvência ou procurar investidores. Uma oportunidade que está a ser aproveitada pelos players mais fortes, como a retalhista Marks & Spencer, que ontem confirmou a compra da marca Jaeger.

O elo mais fraco da cadeia

Trabalhadores da indústria de vestuário das cadeias de aprovisionamento de grandes marcas e retalhistas estão a relatar o aumento da fome e da insegurança alimentar como resultado do declínio dos rendimentos e da perda de empregos em plena crise pandémica, revela um novo estudo.

Europeus são os menos otimistas na recuperação

Apesar de, no geral, as expectativas de volume de negócios das empresas da indústria têxtil e vestuário serem mais positivas em dezembro do que em setembro, com uma quebra prevista menos acentuada, os europeus estão entre os mais afetados e os menos otimistas na retoma.

Sector de luxo beneficia com economia circular

A pandemia implementou novos comportamentos de consumo cada vez mais conscientes e, por isso, ligados à economia circular. O desejo de reduzir a poluição e o desperdício deram ênfase à revenda, principalmente no mercado de luxo, onde os artigos passam de geração em geração e as próprias marcas podem beneficiar com este modelo de negócio.

Brexit sem taxas mas com burocracia

A saída do Reino Unido da União Europeia ficou concluída a 31 de dezembro e com isso terminou a ligação sem barreiras de quase 50 anos entre a Europa Continental e a ilha. O acordo conseguido na véspera de Natal garantiu a inexistência de taxas aduaneiras mas não o aumento dos procedimentos alfandegários.

ITV argentina sob alta pressão

«A Argentina não está bem». É desta forma que se descreve a situação atual do país sul-americano, cuja recessão de três anos piorou com a chegada da pandemia, com estimativas que apontam para uma contração superior a 10% na economia em 2020.

Exportações em queda, mas tecidos melhoram

As exportações de tecidos especiais, tecidos impregnados e tecidos de malha registaram uma performance positiva em novembro do ano passado face ao mesmo mês de 2019. No geral, os envios de matérias têxteis tiveram uma melhor performance em novembro, mas o vestuário em tecido acentuou a queda.

Quer receber as nossas notícias?

Subscreva a nossa newsletter diária e receba as últimas notícias diretamente na sua caixa de e-mail