Inovação invade mercado

Membranas para proteger de condições extremas mas respiráveis, utilização de fibras ecológicas, tecidos de algodão com secagem rápida e elastano com mais resistência e manutenção de forma são algumas das inovações que estão a chegar ao consumidor final.

Individualmente ou em colaboração, diversas empresas de fibras, têxteis e marcas de vestuário de performance estão a desenvolver produtos com características especiais. A empresa suíça de inovação têxtil Schoeller colocou a sua tecnologia de membranas Aerobrane no casaco e calças Cham da Strafe para o outono. O kit de outono da marca de outdoor, que está disponível online, oferece aos consumidores a proteção da Aerobrane contra o vento e as condições meteorológicas agrestes, juntamente com os elevados níveis de respirabilidade necessários para atividades de alta intensidade.

«Consideramos que a tecnologia Aerobrane da Schoeller é a substituição perfeita para o tecido 3L do nosso kit de ski, que tem como objetivo ser usado durante atividades de montanha de alta intensidade», explica Pia Halloran, diretora de design e desenvolvimento da Strafe, ao Sourcing Journal. «O material necessário para ser capaz de aguentar a variação das condições meteorológicas ao mesmo tempo que e altamente permeável ao ar, superleve e arrumável, durável e com elasticidade. Trabalhar com um parceiro respeitado, reconhecido mundialmente e inovador como a Schoeller tem sido uma ótima experiência e estamos desejosos por mais colaborações no futuro», acrescenta.

Para produzir a membrana, com recurso a fiação eletrostática, fibras microscópicas são colocadas em cima umas das outras, criando uma estrutura agregada mas firmemente conectada que apenas pode ser detetada com alta tecnologia microscópica. A estrutura fibrosa da membrana está pensada para fornecer uma respirabilidade excecional ao mesmo tempo que permite ventilação. A Aerobrane tem ainda propriedades de resistência à água, já que as gotas no exterior são maiores do que os espaços entre as estruturas fibrosas. Contudo, essas mesmas estruturas também criam uma excecional barreira ao vento, aponta a empresa.

«Tendo admirado a Strafe ao longo dos anos, não podíamos estar mais orgulhosos por trabalharmos com esta equipa autêntica e apaixonada que está muito empenhada com o que está a fazer», afirma Stephen Kerns, presidente da Schoeller North America. «Como vivem as mesmas experiências que os entusiastas de outdoor e atletas que servem todos os dias, compreendem completamente a importância de usar apenas os melhores materiais, o que os diferencia», garante.

Spinnova alia-se à Bestseller

Por seu lado, a empresa finlandesa Spinnova – que desenvolveu um método inovador, sem utilização de químicos, para transformar madeira e resíduos agrícolas em fibras têxteis – e a retalhista dinamarquesa multimarca Bestseller juntaram-se numa missão a longo prazo que faz parte da estratégia de sustentabilidade Fashion FWD da Bestseller.

Isto significa que as empresas vão fazer desenvolvimentos em conjunto para ver que produtos comerciais na vasta gama de marcas da Bestseller, que inclui a Vero Moda, Vila e Selected, se adequam mais à fibra sustentável da Spinnova. Tendo provado o conceito com a sua linha de produção piloto, a Spinnova está a começar a escalar comercialmente a produção e tem já várias marcas aderentes.

Spinnova Tech [©Spinnova]
«Ter ótimos parceiros como a Bestseller, com conhecimento e recursos para colaborar com inovadores como nós, tem sido crucial para o desenvolvimento do material», assegura o cofundador e CEO da Spinnova, Janne Poranen.

A ambição final é criar o tecido mais sustentável do mundo e transformá-lo em produtos comerciais.

«Estamos extremamente orgulhosos por anunciar esta colaboração com a Spinnova, que é uma inovadora de materiais altamente promissora», reconhece Camilla Skjønning Jørgensen, diretora de inovação e materiais sustentáveis da Bestseller. «Como sempre, o nosso objetivo é mudar a indústria da moda para melhor. A Bestseller é uma das primeiras adotantes da matéria-prima revolucionária da Spinnova e acreditamos genuinamente na sua ambição de criar um material verdadeiramente sustentável, que pode ser transformado em produtos comerciais», admite.

A Bestseller também apresentou o seu laboratório de inovação, batizado Fashion FWD Lab, focado em novos materiais circulares e de baixo impacto, melhor produção, novos modelos de negócio e formas mais inteligentes de produzir. O Fashion FWD Lab funciona como um catalisador para colaborações como projetos-piloto, workshops, estudos de caso, entre outros, para acelerar as mudanças sustentáveis.

Algodão ganha performance

Há ainda outras inovações a acontecerem na frente dos tecidos. A marca de vestuário de homem Bugatchi introduziu um tecido de performance exclusivo com o lançamento da sua coleção de outono-inverno 2020/2021. O tecido OoohCotton Tech é uma mistura de algodão mercerizado de fibra longa com uma tecnologia de secagem rápida que promove a evaporação da humidade, mantendo a pele seca e uma temperatura corporal constante.

Camisas, t-shirts, polos e pullovers em xadrez, riscas e estampados com este material acabam com a diferença entre vestuário de trabalho e vestuário para o lazer, acredita a empresa, adiantando que as peças podem ser lavadas na máquina e não necessitam de ser passadas a ferro. A elasticidade em oito direções também permite flexibilidade e uma fácil movimentação, acrescenta.

Bugatchi OoohCotton Tech [©Bugatchi]
«O nosso objetivo era, primariamente, levar o vestuário de performance para o próximo nível ao criar um produto em algodão de elevada qualidade, único e diferenciador que funde a funcionalidade com a moda e permite aos homens de hoje espelharem a sua própria individualidade e estilo», justifica Cecile Revah, CEO da Bugatchi. «Estamos conscientes das mudanças mundiais no estilo de vida e como estão a afetar os códigos de vestuário. A meta da Bugatchi é oferecer luxo moderno para o dia a dia e a resposta dos nossos consumidores tem sido extraordinária, já que o nosso tecido OoohCotton Tech é muito mais do que um tecido tradicional de performance. É a próxima geração de vestuário de performance», destaca.

Sediada no sul da Florida com operações em Nova Iorque, a Bugatchi é vendida em grandes armazéns e lojas especializadas na América do Norte, aprovisionando-se em fábricas europeias de tecidos e com confeção em Itália e na Ásia.

Lycra mais resistente

Já a Lycra Company apresentou, na mais recente edição da Intertextile Shanghai Apparel Fabrics, a sua tecnologia de fibra Lycra Anti-Slip.

«Apesar das incertezas do mercado, temos visto que há ainda um forte apetite por inovação, já que as marcas procuram ter uma vantagem e oferecer maior valor aos consumidores», constata Julien Born, presidente de vestuário na Lycra Company. «A inovação sempre esteve no ADN da Lycra Company, que acreditamos ser a chave para responder às crescentes exigências por vestuário funcional e sustentável em todo o mundo», assevera.

Lycra [©Lycra]
A Lycra Anti-Slip é uma solução para utilização em tecidos de elastano para denim que exigem elasticidade duradoura e um bom poder de recuperação. A fibra, que aguarda patente, ajuda a manter a aparência do vestuário lavagem após lavagem e utilização após utilização. A Lycra refere que é uma fibra versátil que torna possível uma série de desenvolvimentos e construções de têxteis, incluindo estruturas abertas e a utilização de misturas com poliéster, viscose e algodão, garantindo um toque suave e um aspeto autêntico.

Usar a fibra Anti-Slip no centro da tecnologia de fio Lycra dualFX melhora a performance, permitindo aos consumidores terem jeans com uma grande elasticidade que duram mais e mantêm a forma e o ajuste, salienta a Lycra.

Notícias relacionadas

Últimas notícias

Químicos ecológicos e fiáveis

Soluções mais amigas do ambiente, que permitem uma redução do consumo mas que não comprometem os resultados finais, estão na base da oferta das empresas que se dedicam aos químicos para a indústria têxtil e vestuário, como a LCP - Leite & Campos, o Flamaway Group, a CHT e a Kornit.

ISPO ultima participação virtual

A feira de desporto está a aceitar inscrições para a presença online na edição de fevereiro, assim como de concorrentes ao prémio ISPO Award 2021. A apresentação em formato digital e uma sala de reuniões virtual são alguns dos benefícios dos cinco dias da ISPO Munich 2021.

FS Baby faz apostas múltiplas

A marca de moda infantil está a diversificar a oferta e, para a primavera-verão do próximo ano, apresentou fatos de banho e acessórios em verga. As máscaras fazem também parte da nova realidade, assim como o reforço do canal digital.

Quer receber as nossas notícias?

Subscreva a nossa newsletter diária e receba as últimas notícias diretamente na sua caixa de e-mail